A cirurgia bariátrica, também conhecida por cirurgia da obesidade, inclui um conjunto de procedimentos realizados em doentes que sofrem de obesidade.

A perda de peso é alcançada através da redução do tamanho do estômago do paciente. Existem várias técnicas cirúrgicas para obter a redução do peso.

No passado, foi muito frequente optar-se por indicar a aplicação da banda gástrica. Este procedimento consistia em “apertar” o estômago com recurso a um dispositivo médico (banda) ajustável após a cirurgia, se necessário. Hoje em dia, já não é um procedimento habitual.

Atualmente, as técnicas mais realizadas consistem na redução efetiva do volume do estômago, com ou sem remoção de parte dele através de laparoscopia (pequenos “furinhos” no abdómen do paciente):

  • Tubo gástrico ou sleeve: uma parte do estômago é removida e eliminada.
  • Bypass de Roux ou em Y: É feita uma incisão no estômago, deixando apenas disponível uma pequena bolsa para conter alimentos. O intestino delgado é reposicionado, para facilitar a perda de peso.
  • Mini-Bypass: é feita uma pequena bolsa gástrica, que é ligada a uma parte mais avançada do duodeno, permitindo ajudar na correção de algumas das comorbilidades do paciente.

Preguntas frequentes:

Serei um bom candidato para uma cirurgia bariátrica?

Pacientes com obesidade severa e comorbilidade (diabetes, hipertensão ou outras doenças associadas à obesidade) e pacientes com obesidade mórbida são considerados candidatos a uma cirurgia bariátrica.

É imprescindível realizar uma consulta de diagnóstico, com um dos nossos médicos-especialistas para ter um diagnóstico ajustado ao seu caso.

(inserir botão de marcar consulta aqui)

Como calculo o meu IMC?

(introduzir tabela de cálculo de IMC da OMS)

É preciso ficar internado?

Sim. Estes procedimentos requerem que esteja sob observação no hospital, por precaução entre 2 e 3 dias.

Tenho que fazer dieta?

Vai ter umas pautas alimentares específicas, particularmente nas primeiras semanas após o tratamento. O acompanhamento nutricional está incluído nos nossos tratamentos.

Já fiz várias dietas e foi muito frustrante. Em que é que a cirurgia é diferente?

Os pacientes de obesidade que nos procuram já tentaram, na maior arte dos casos, várias dietas ao longo da vida. O acompanhamento nutricional e psicológico é parte integrante dos nossos planos. A experiência dos nossos médicos e cirurgiões marcam a diferença. Estas cirurgias permitem reduzir a área do estômago, tornando mais fácil a perda de peso (o estômago fica cheio mais depressa).

Agende já a sua consulta
Agendamento

Após o envio do formulário reberá um email a confirmar a disponibilidade para se realizar a consulta

icon menu clinica liberty